* Na hora de comprar o calçado não se pode pensar só na beleza

Entrar numa loja cheia de variedades é um sacrifício para quem adora sapatos, afinal, é um par mais bonito que o outro. Mas na hora de comprar o calçado não se pode pensar só na beleza. O conforto e a qualidade são fundamentais não só para os pés, mas para a saúde.

Dos sofisticados aos mais simples. Entre homens e mulheres, as opiniões são diferentes. A estudante Georgia Santos diz que prefere uma bota e que não gosta de salto alto porque sente dores quando usa. Já o advogado Márcio Walter dá prioridade ao conforto e evita usar calçados apertados.

A corretora Ana Aparecida Oliveira até busca conforto, mas não sai do salto por nada. Apaixonada por sapatos ela tem dezenas de pares. E olha que a rotina delanão é nada fácil.São mais de 14 horas diárias em cima deles.

E o sacrifício tem motivo: acrescentar alguns centímetros ao 1,67m de altura. Para ela, o suficiente para ficar mais elegante. E nem mesmo no trânsito é deixado de lado, apesar de proibido. No trânsito, um sapato ideal pode fazer toda a diferença. Inclusive pode evitar acidentes.

Escolher um sapato confortável ou da moda é um dilema enfrentado pela maioria dos consumidores. O fato é que na hora de optar entre beleza e conforto uma escolha errada pode trazer prejuízos para a saúde.

Foi o que aconteceu com a vendedora Suzilene Teixeira. Acostumada ao salto ela precisou mudar de estilo por causa do trabalho. Usa apenas calçados mais baixos. A partir daí apareceram os problemas.

E a preocupação também deve estar na hora de praticar esportes. Fazer exercício com um calçado inadequado também pode trazer problemas de saúde. Seja uma simples caminhada ou corrida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

* Prefeitura nãoo descarta possibilidade de decretar Estado de Calamidade devido a chuvas

* Morte de Chupitila ainda não foi desvendada