*Quadros de Picasso, Matisse e Modigliani roubados de museu em Paris

Cinco quadros avaliados no total em 500 milhões de euros (US$ 618 milhões), entre eles uma obra de Pablo Picasso e outra de Henri Matisse, foram roubados durante a madrugada desta quinta-feira (20) do Museu de Arte Moderna de Paris, informaram fontes ligadas às investigações a agências internacionais de notícias.

Os outros quadros roubados são obras de Amadeo Modigliani, George Braque e Fernand Léger, de acordo com as mesmas fontes.

O crime foi descoberto às 7h desta quinta-feira (2h no horário de Brasília), antes da abertura do museu, quando seguranças encontraram uma janela quebrada e a fechadura de uma porta violada. Câmeras de vídeo do local filmaram uma pessoa com o rosto coberto realizando o roubo. Os quadros teriam sido cuidadosamente removidos de suas molduras, e não cortados.

O prefeito de Paris Bertrand Delanoe afirmou em comunicado divulgado à imprensa que está chocado com o roubo, que classifica de “um ataque inadmissível ao legado cultural parisiense”.

De acordo com especialistas no mercado de arte, dificilmente as obras poderiam ser vendidas, já que são muito conhecidas. Com isso, o crime pode ter ligação com encomenda feita por algum colecionador.

(Portal G1)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

* Denúncia contra a usina Vale do Paranaí­ba

* Acidente com caminhão de cana no trevo de Capinópolis