*Homem mantém esposa como Égua durante 15 anos

Durante 15 anos, a vida de Irena Buzniak foi apenas tormento. Vítima de constante espancamento, a mulher ainda era usada pelo marido e familiares como égua para puxar uma carroça para arar terra na fazenda do casal em Limanowa (Polônia), segundo informa o site New Poland Express.
Um mês atrás, Irena, de 34 anos, proclamou a abolição da escravatura, fugiu da fazenda e procurou autoridades para relatar o seu drama.
O marido, Antoni, de 42, agredia Irena com frequência para que ela ficasse impossibilitada de deixar a fazenda e pedir ajuda. Ele foi preso e vai enfrentar a Justiça.

"Os últimos 15 anos da minha vida foram completamente horríveis e eu gostaria de esquecê-los", contou chorando a polonesa

 

(A província)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

* Capinópolis e Canápolis ainda sofrem com as queimadas para colheita de cana

* Cientista diz ter sido infectado com vírus de computador