Brasil está entre os dez países emergentes com maior capacidade de acelerar seu ritmo de crescimento e se desenvolver. A conclusão é de um estudo feito por economistas do Banco Asiático de Desenvolvimento (ADB na sigla em inglês), informa reportagem de Érica Fraga, publicada nesta quarta-feira pela Folha.

O estudo considera quatro características principais (e algumas divisões das mesmas) na pauta de exportações: sofisticação; diversificação; características únicas e potencial de vender outros produtos com vantagem comparativa para o exterior.

Do cruzamento dessas informações, do período entre 2001 e 2007, surgiu o Índice de Oportunidades.

Continua após a publicidade

Segundo Jesus Felipe, economista do ADB e coordenador do estudo, os países que estão bem posicionados no índice são aqueles que conseguiram ampliar e diversificar suas pautas de exportações em produtos mais elaborados (como máquinas e químicos).

Fonte: Folha de São Paulo


Comments are closed.