Com o objetivo único de mostrar ao eleitor os bons e maus candidatos das eleições 2010, o portal capinopolis.com publicou recentemente o “ficha suja”, lista com nomes de políticos que não devem representar o povo.

O portal capinopolis.com conseguiu a lista de nomes de políticos que participaram do escândalo do “mensalão” de Marcos Valério, denunciado em 2005.

blank
Marcos Valério

A lista abaixo foi entregue pelo empresáro Marcos Valério durante seu depoimento à Comissão Parlamentar Mista de Inquérito que investiga denúncias de compra de votos no Congresso Nacional. São 78 nomes que teriam recebido dinheiro das empresas de Valério para a campanha pela reeleição do governador de Minas Gerais Eduardo Azeredo (PSDB) em 1998. Os valores somam um total de R$ 1,8 milhão.

Entretanto, o empresário disse ter contraído na verdade R$ 9 milhões de empréstimo a pedido de Cláudio Mourão, então candidato a vice e coordenador da campanha de Azeredo, e que teria indicado os destinatários dos repasses. Valério disse que não recebeu o dinheiro de volta. “Em 1998, eu levei cano”, admitiu.

CCAA Capinópolis
Sacadores ou beneficiários Valor
Junia Marise ex-senadora do PDT R$ 200 mil
Fabio Valença / Jorge Calabria teriam trabalhado na campanha de Eduardo Azeredo (PSDB) R$ 91.459,28
Maurílio Borges contato de políticos em Uberlândia R$ 125 mil
Romeo Anízio Jorge deputado federal eleito pelo antigo PPB, hoje PP R$ 100 mil
Jaldo Retes Dolabela sem identificação R$ 53.025
Roberto Costa Pinho ex-assessor do Ministério da Cultura 450.000,00
Afonso Celso Dias candidato a deputado estadual pelo PDT não eleito R$ 50 mil
Luiz Flávio Vilela Mesquita médico de Uberaba (MG) R$ 50 mil
Paulo Abi-Ackel filho do deputado federal Ibrahim Abi-Ackel (PP-MG) R$ 50 mil
Roberto Arabe Abdanur sem identificação R$ 50 mil
Alfeu Queiroga de Aguiar sem identificação R$ 50 mil
Geraldo Magela Costa sem identificação R$ 40 mil
Cantídio Cota Figueiredo deputado (PT-PA), candidato a deputado estadual pelo PTB não eleito R$ 40 mil
Luciano Claret Gonçalves assessor do deputado Francisco Rafael R$ 30 mil
Vagner Nascimento Jr. sem identificação R$ 30 mil
Márcio Luiz Murta deputado (PT-MG) deputado estadual eleito em 1998 pelo PSDB e reeleito em 2002 pelo PPS R$ 25 mil
Ermínio Batista Filho deputado estadual eleito pelo PSDB em 1998 e reeleito em 2002 R$ 25 mil
Gilberto Rodrigues de Oliveira gerente de exportação da Cosipa R$ 25 mil
Cláudio Pereira sem identificação R$ 25 mil
Gilberto Wagner Martins A. Pereira deputado estadual eleito pelo antigo PPB, hoje PP R$ 25 mil
Wanderley Geraldo de Ávila candidato a deputado estadual pelo PSDB não eleito R$ 21 mil
Marlene Aranda Caldeira Diretora da Câmara de João Monlevade R$ 20 mil
Edson Brauner da Silva sem identificação R$ 20 mil
Ivone de Oliveira Loureiro sem identificação R$ 20 mil
Martins Adelio Gomes não identificado R$ 20 mil
Rosane Aparecida Moreira assessora do ex-deputado estadual Mauro Lobo Júnior, eleito pelo PSB e que hoje preside o Instituto de Previdência dos Servidores de Minas Gerais R$ 20 mil
Custódio de Mattos deputado (PP-SP) deputado federal eleito pelo PSDB R$ 20 mil
Ricardo Besotti Costa sem identificação R$ 20 mil
Honório José Franco deputado (PMDB-PR) ex-chefe do Departamento de Água e Esgoto de Barbacena (MG) R$ 20 mil
Olavo Bilac Pinto Neto deputado estadual eleito pelo PFL em 1998 e reeleito em 2002 R$ 20 mil
Maria Ângela Arcanjo sem identificação R$ 20 mil
Olinto Dias Godinho deputado estadual eleito pelo PTB em 1998 e reeleito pelo PSDB em 2002 R$ 20 mil
Wilfrido Albuquerque Oliveira sem identificação R$ 20 mil
Arnaldo Francisco Penna candidato a deputado estadual pelo PSDB não eleito em 1998 R$ 15 mil
Ajalmar José da Silva candidato a deputado estadual pelo PSDB não eleito R$ 15 mil
Francisco Ramalho candidato a deputado estadual pelo PSDB não eleito R$ 15 mil
Obed Alves Guimarães sem identificação R$ 15 mil
Maurício Antônio Figueiredo assessor da deputada estadual licenciada Elbe Brandão, do PSDB, integrante da equipe de secretários do governador Aécio Neves R$ 15 mil
Clemente Sarmento Petroni Vereador de Salinas (MG) pelo PSDB R$ 15 mil
João Manoel Rathsam sem identificação R$ 15 mil
Odair Ribeiro Vidal sem identificação R$ 15 mil
Sônia Maria Salles Campos sem identificação R$ 15 mil
Cantídio Cotta de Figueiredo candidato a deputado estadual não eleito pelo PTB R$ 15 mil
Francisco Rafael deputado estadual eleito pelo PSB em 1998 e reelieto pelo PMDB em 2002 R$ 15 mil
José Pinto Resende Filho R$ 15 mil
Maria Olivia de Castro Oliveira deputada estadual eleita pelo PSB em 1998 e reeleita em 2002 pelo PSDB R$ 15 mil
Renato Fraga Secretário de Saúde de Ipatinga (PMDB) R$ 12,5 mil
Carlos Welth Pimenta Figueiredo deputado estadual eleito pelo PSDB em 1998 e reeleito pelo PDT em 2002 R$ 12 mil
Naylor Andrade Vilela dono de curtume em Três Corações (MG) R$ 12 mil
Geruza Pereira Cardoso sem identificação R$ 12 mil
Eder Antonio Madeira candidato a verador não eleito pelo PMDB R$ 12 mil
Maria Eustáquia de Castro sem identificação R$ 11 mil
Vilda Maria Bittencourt sem identificação R$ 10 mil
Marcelo Jerônimo Gonçalves deputado estaual eleito pelo PDT R$ 10 mil
Grupo Hum Propaganda Marketing sem identificação R$ 10 mil
Aldimar Dima Rodrigues deputado estadual eleito pelo PPB R$ 10 mil
Tarcísio Henriques prefeito de Cataguazes (MG) R$ 10 mil
Alencar Magalhães da Silveira Jr. deputado estadual eleitopelo PDT em 1998 e reeleito em 2002 R$ 10 mil
Kemil Said Kumaia candidato a deputado estadual não eleito pelo PSDB R$ 9 mil
José Augusto Ribeiro sem identificação R$ 9 mil
Sebastião Navarro Vieira deputado estadual eleito pelo PFL R$ 9 mil
Antônio de Pádua Luma Sampaio sem identificação R$ 8 mil
Silvana Vieira Felipe assessora do Departamento de Obras da Secretaria de Transportes de Minas Gerais R$ 8 mil
José Pinto Resende Filho sem identificação R$ 7,5 mil
João Batista de Oliveira deputado estadual eleito pelo PDT R$ 7 mil
Cláudio de Faria Maciel candidato derrotado do PSB a vice-governador em 2002 R$ 7 mil
Amilcar Viana Martins Filho deputado estadual eleito pelo PSDB R$ 6 mil
Elmo Braz Soares deputado estadual eleito pelo antigo PPB, hoje PP R$ 6 mil
Nelson Antônio Prata sem identificação R$ 5 mil
Heloísa Helena Barras Escomini sem identificação R$ 5 mil
José Roberto del Calle sem identificação R$ 4 mil
Baldonedo Arthur Napoleão candidato a deputado estadual não eleito pelo PSDB R$ 3 mil
Humberto Candeias Cavalcanti diretor do Instituto Estadual de Florestas de Minas Gerais R$ 3 mil
Maria Aparecida Vieira sem identificação R$ 2,5 mil
Maria da Conceição Almeida Alves ex-prefeita de Dom Cavati pelo antigo PPB, hoje PP R$ 2,5 mil
Antônio Milton Sales sem identificação R$ 2 mil
Total R$ 1.805.484.28

Fonte: Redação Terra.com.br

http://noticias.terra.com.br/brasil/crisenogoverno/interna/0,,OI622802-EI5297,00.html

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui