Brasileira Maria Gomes Valentim, eleita pelo Guinness Book a mais velha do mundo, morre em Carangola (MG) aos 114 anos

A brasileira Maria Gomes Valentim, reconhecida pelo “Guinness World Record” como a mulher mais velha do mundo, morreu na madrugada desta terça-feira, aos 114 anos, na cidade de Carangola, em Minas Gerais.

Valentin estava no CTI (Centro de Terapia Intensiva) da Casa de Caridade de Carangola, quando morreu, por volta das 4h10.

Continua após a publicidade

O velório ocorre na capela São Pedro, e o enterro está programado para as 16h de hoje no cemitério Jardim da Paz, também em Carangola.

Valentim nasceu em 9 de julho de 1896 na mesma cidade. Ela se casou em 1913 com João Valentim e ficou viúva em 1946. Com seu marido, Maria teve um filho, quatro netos, sete bisnetos e cinco tataranetos.

De acordo com o “Guinness”, Maria atribuía sua longevidade a uma dieta saudável –ela dizia comer um pãozinho toda manhã com café, frutas e, ocasionalmente, leite com linhaça.


Comments are closed.