Dois filmes disputam a história de Silvio Santos no cinema

Divulgação

A vida de Silvio Santos está sendo disputada por dois filmes: um do diretor Guga Oliveira e outro de Sônia Abrão. Ambos baseados na biografia “A Fantástica História de Silvio Santos”, de Arlindo Silva. A apresentadora da Rede TV! afirma deter os direitos do livro por cinco anos e diz que foi o autor, morto em julho, quem lhe ofereceu a obra, após Oliveira não realizar o longa.

Guga de Oliveira rebate: diz estar em dia com os direitos autorais e ter a autorização formal do dono do SBT para rodar a produção, cujas gravações começarão em março, com R$ 6 milhões já captados. Intitulado “Era uma Vez no Brasil – a Fantástica História de Silvio Santos”, o filme de Guga de Oliveira –que já trabalhou no SBT–, quer mostrar os fatos mais importantes do país, a partir do nascimento do seu ex-patrão, em 1930.

Segundo ele, o longa irá além da biografia, tratando da crise do Banco PanAmericano e da venda do Baú da Felicidade. Sônia Abrão, que busca um ator desconhecido para viver Silvio em seu filme, escreveu o pré-roteiro e ainda aguarda um aval do homenageado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

MEC vai distribuir tablets para alunos de escolas públicas em 2012, diz ministro

Empresário sai da prisão, abre negócio com R$ 700 e acumula quase R$ 1 milhão