Nova técnica contra doença cardíaca é usada no Triângulo Mineiro

Recurso é uma inovação que já havia sido usada no Brasil apenas uma vez, em São Paulo (SP), no mês passado

novo mecanismo contra doenças do coração que envolvem obstrução de artérias foi usado em Uberlândia pela primeira vez nesta quarta-feira (14). O dispositivo, chamado de “Absorb”, realiza a pulsão com melhor desempenho que os aparelhos metálicos implantados pr meio de procedimentos cirúrgicos. Com isso há uma melhora significativa na desobstrução e circulação do sangue nas veias, com menor tempo de recuperação do paciente.

De acordo com o centro médico de Uberlândia que participa da pesquisa, o recurso é uma inovação que já havia sido usada no Brasil apenas uma vez, em São Paulo (SP), no mês passado.

Com o novo recurso, os médicos afirmam que, após cerca de seis meses, ele já começa a ser absorvido pelo organismo sem efeito colateral para o paciente operado. No entanto, ele não substitui os demais recursos usados nos procedimentos comuns, agindo como um elemento a mais para ajudar a melhorar a qualidade de vida de doentes cardíacos.

Em Uberlândia, a técnica já é aplicada pelo Instituto de Cardiologia do Triângulo Mineiro. Além do instituto, outros dois hospitais do estado de São Paulo já realizam o procedimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

10 curiosidades sobre o sexo que você precisa saber

New Beetle está mais “masculino” e esporte