Avião que transportava o cantor Eduardo Costa caí na Zona da Mata em Minas Gerais

O cantor sertanejo Eduardo Costa confirmou show para a noite deste sábado (8) em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, um dia após o acidente com o avião dele em Manhuaçu, na Zona da Mata de Minas Gerais. Após deixar o hospital na noite passada, o cantor usou o twitter para enviar mensagens aos fãs e dar detalhes sobre o que aconteceu com a aeronave. “Hj (sic) eu nasci de novo, foi a pior coisa que já passei…”, contou Eduardo Costa. O cantor postou que uma falha no reverso – parte do sistema de freios – causou aceleração na aeronave. “O avião ficou destruído, aconteceu com meu avião o mesmo que aconteceu com o jato da Tam, o reverso não funcionou e acelerou o avião”. Ainda segundo Costa, os dois pneus traseiros da aeronave explodiram, o trem de pouso arrastou no chão, fazendo sair fogo.

No acidente, ele fraturou a mão direita e o nariz ao se assustar com o fogo e tirar rapidamente o cinto. “Eu estava com o cinto, mais (sic) quando vi fogo, tirei porque achei que ia pegar fogo ou explodir, tirei pra poder sair mais rapido… Mais (sic) eu não devia ter tirado, foi muito pior…Bati com a cabeça e com a mão…Quebrei a mão e o nariz em dois lugares…Mais (sic) tô bem”, disse.

Bandidos que assaltaram banco em Ituiutaba continuam foragidos

Crianças se divertem com o “PM amigo legal”