Mulher mata o marido com um botijão de gás e o enterra no jardim de casa em Capinópolis

corpo do homem foi enrolado em plástico antes de ser enterrado

ATUALIZADO ÀS 21:15 | 30/11

CAPINÓPOLIS, PONTAL MINEIRO – Um assassinato cruel e premeditado foi descoberto pelo polícia de Capinópolis na tarde desta Quarta (30), quando a guarnição deslocou-se até a residência de Eliana Maria da Silva na avenida 93 após uma denúncia anônima para averiguar o desaparecimento do seu marido Cícero Soares da Silva.

Ao chegarem no local, os policiais indagaram Eliana sobre o paradeiro do marido e segundo ela, o mesmo teria fugido, tomando rumo desconhecido por estar sob ameaça de morte. Ainda segundo a Eliana, o namorado da amante de Cícero teria feito a ameaça de morte.

Eliana Maria não convenceu os policiais e passou a apresentar um comportamento alterado e inquieto e minutos após confessou que matou o marido a com algumas pancadas utilizando um botijão de gás enquanto Cícero dormia e o enterrou no jardim de casa.

O crime aconteceu no domingo por volta de 12h e teria sido motivado por ciúmes.

Eliana Silva, que acabou de dar à luz, pediu ao filho mais velho que fizesse um buraco na porta da sala com a desculpa de que o imóvel poderia desabar por conta de uma infiltração.

A perícia efetuou a escavação do local e encontrou o corpo de Cícero Soares da Silva já em decomposição envolvido em um saco plástico.

Cícero trabalhava em uma usina de álcool e açúcar no município de Capinópolis.

A acusada está presa.

Bandidos explodem caixa eletrônico de agência bancária em Canápolis

Mulher que matou marido com botijão de gás alegou que estava para ser abandonada por ele. Cuidado, imagens fortes