Jornal: Zezé Polessa será investigada após morte de motorista

Zezé Polessa teria maltratado o motorista por ele ter errado o caminho para o Projac
Foto: AgNews/Andre Muzell

A atriz Zezé Polessa será investigada em um inquérito policial por suspeita de crime contra o Estatuto do Idoso, informou a coluna de Léo Dias, do jornal O Dia. Christiane Monnerat, promotora, quer a investigação da conduta de Zezé, que teria brigado e tratado mal Nelson Anderson Lopes, de 63 anos, durante o trajeto para o Projac, na segunda-feira (14). Depois do serviço, Nelson teve um infarto, deu entrada no Hospital Lourenço Jorge, no Rio, mas não resistiu. Monnerat afirmou que a investigação é independente da vontade da família da vítima.

A pena para que trata de humilhação, menosprezo e discriminação ao idoso é de reclusão de seis meses a um ano e multa. Caso seja provado que a atriz tinha conhecimento da condição cardiopata de Nelson Lopes, pode ser indiciada por homicídio culposo. A filha do motorista, Luciana, contou que o pai ligou para avisar que estava passando mal. Segundo ela, ninguém o socorreu e ele foi sozinho ao hospital. Luciana disse ainda que não quer acusar Zezé Polessa denada, mas que “o que ela fez contribuiu para morte dele”. Nelson foi enterrado nessa quarta (16).

Polícia recupera em Capinópolis veículo roubado em Iturama-Mg.

45% dos homens sentem atração por amigas da mulher, diz pesquisa