CAPINÓPOLIS, PONTAL MINEIRO – Na manhã do último domingo (21/04), na cadeia pública, ao realizar rondas de rotina pelo pátio da cadeia o Agente Penitenciário L. F. foi interpelado por uma detenta, a qual ofereceu a quantia de R$ 300,00 (trezentos reais) para que ele liberasse a entrada de um telefone celular na cela que seria utilizado por ela e outra colega.

Diante das evidências, em tese, do crime de Corrupção Ativa a detenta recebeu voz de prisão em flagrante delito sendo encaminhada para a Delegacia de Plantão em Ituiutaba onde teve sua prisão ratificada pela autoridade policial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui