Drogas sintéticas dominam Triângulo Mineiro e são apontadas como próxima epidemia

O ecstasy tem cor predominante branca, mas pode variar seus tons de cor.

A metilenodioximetanfetamina conhecida como pílula do amor ou simplesmente por ecstasy, é uma droga moderna sintetizada (feita em laboratório), cujo efeito na fisiologia humana é a diminuição da reabsorção da serotonina, dopamina e noradrenalina no cérebro, fazendo com que estas substâncias fiquem em maior contato com as sinapses, causando euforia, sensação de bem-estar, alterações da percepção sensorial do consumidor e grande perda de líquidos, pertencente a família das anfetaminas.

Comercializada indiscriminadamente na região do Triângulo Mineiro, os traficantes preferem grandes festas eletrônicas, feiras agropecuárias e grandes eventos para distribuírem seus produtos.

Consumida geralmente por jovens em festas raves, talvez pelo fato de seu efeito de excitação e euforia durar em torno de 4 a 8 horas. A droga já foi encontrada em pequenas cidades como Capinópolis, Monte Alegre e Ituiutaba e grandes pólos do Triângulo como Uberlândia e Uberaba.

Recentemente, vários traficantes foram presos em Uberlândia na operação “Vapor” da Polícia Civil, entre eles, um jovem de 23 anos e um estudante universitário de classe média de 32 anos.

O Triângulo Mineiro tem se tornado rota do tráfico e consumo de drogas, por estar em uma região estratégica do país e por ter inúmeras lavouras de cana, onde são pousados pequenas aeronaves que transportam drogas.

Com o aumento no uso de entorpecentes, cidades do Triângulo Mineiro podem vivem uma grande “epidemia”. Na pequena Capinópolis, no Pontal do Triângulo, as chamadas “biqueiras” ou “bocas de fumo” são movimentadas e corrompem um número cada vez maior de pessoas que acabam se envolvendo com o tráfico afim de alimentarem seu vício. Há relatos não oficiais do grande índice de uso e tráfico em escolas Estaduais, principalmente no período noturno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Terror: Homem é torturado e mutilado em canavial por dupla de criminosos cruéis em Capinópolis

Assaltantes levam terror a uma família em Capinópolis e bandido deixa celular cair no local do crime.