blank
Divulgação

O deputado estadual Elismar Prado voltou a denunciar o descaso da Agência Reguladora de Serviços de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário de Minas Gerais (Arsae -MG) que já afirmou que não tem condições para fiscalizar a prestação dos serviços da Copasa. Durante reunião do Plenário, o parlamentar questionou a atuação da agência reguladora e fiscalizadora. “A população de Minas está sofrendo muito com o péssimo serviço realizado pela Copasa. Os mineiros pagam caríssimo pela água para serviços que não são prestados. Uma tarifa muito cara e as pessoas ficam reféns da Copasa por 30 anos, que é o período de concessão, renovado por mais 30 anos”.

O parlamentar, junto com o deputado federal Weliton Prado, acionou o Ministério Público para denunciar a omissão da agência. “Temos uma agência reguladora que não regula coisa alguma e sem a menor estrutura e condições de realizar o seu trabalho. Não tem independência, autonomia, simplesmente não fiscaliza, não cumpre o seu papel constitucional de garantir a qualidade na prestação do serviço. Além disso, a tarifa da Copasa se quer foi auditada pela agência para saber se é correta ou naõ, pois, durante anos quer a definiu foi o próprio governo de Minas”, criticou Elismar Prado.

CCAA Capinópolis

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui