blank
Marcelo Samora, diretor de uma livraria, disse que a opção de vendas online é importante para atender aos vários públicos

O comércio eletrônico tem ganhado força no Brasil nos últimos anos e para se adequar à nova modalidade de vendas, lojistas de vários segmentos estão ampliando seu mercado com o desenvolvimento de plataformas de e-commerce. De acordo com dados do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), no ano passado a área movimentou aproximadamente R$ 22 milhões no país e a expectativa é de que em 2013, haja um crescimento de 25% nessa modalidade de vendas.

Segundo o analista de negócios do Sebrae em Uberlândia, Fabiano Alves, o mercado online é uma tendência para os próximos anos. “As pessoas querem cada vez mais comodidade e a loja online oferece isso”, disse. Segundo ele, os setores com mais compras pela internet são eletrodomésticos, informática, eletroeletrônicos, saúde e beleza e moda e acessórios. “A loja online oferece menos custos ao empresário, e possibilita mais conforto ao consumidor”, afirmou.

Magazine Brasil Líbano Dia dos Pais

De acordo com o diretor de uma livraria tradicional de Uberlândia, Marcelo Samora, o e-commerce é importante para ampliar o público da empresa, mas não substitui a loja física. “Com o site, atendemos a públicos diferentes, mas o nosso forte ainda é a venda no balcão”, disse. Segundo ele, as vendas pela plataforma online chegam a representar 10% do faturamento mensal da empresa. “Além da cidade, conseguimos atender pedidos de outros municípios da região e de outros estados.”

A analista de sistemas Tatyana Sousa, faz compras pela internet há mais de dez anos e afirma que opta por essa modalidade pelas vantagens que ela oferece. “É acessível e tenho mais tranquilidade e comodidade ao escolher as mercadorias, além de ser mais barato”, disse. Para garantir sua segurança ao comprar, Tatyana Sousa disse que adota algumas estratégias. “Verifico sempre se o portal possui certificado digital e quando quero produtos de algum site que não conheço, procuro mercadorias de menor valor para testar. Se der certo, viro cliente.”

CCAA Capinópolis
Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis
Ouça o podcast do Tudo Em Dia:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui