Bolsa família injetou mais de R$ 1 milhão na economia de Capinópolis somente em 2013

Divulgação
Divulgação

CAPINÓPOLIS, PONTAL MINEIRO – O programa social “Bolsa Família”, criado no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva transfere renda e beneficia famílias em situação de pobreza ou em situações de extrema pobreza.

Em Capinópolis, o programa do governo Federal injetou R$ 1.105.767,00 e movimentou a economia do município, que passa por grandes dificuldades financeiras econômicas, já que uma das maiores empregadoras do município, a usina Vale do Paranaíba do grupo João Lyra não efetua pagamento dos funcionários desde Novembro de 2013.

Com um dos piores finais de ano da história, a situação do comércio local só não foi pior por que a prefeitura municipal, a maior empregadora do município, efetuou o pagamento dos salários do funcionalismo público antes do natal.

O Bolsa Família é o programa de transferência social que mais contribui com a expansão da economia: cada R$ 1 adicionado ao projeto significa um incremento de R$ 1,78 no Produto Interno Bruto (PIB). Em Ituiutaba, o repasse do programa social foi de R$ 5.193.441,00.

O “Bolsa família”, criticado por alguns e defendido por outros, ajuda na transferência de renda, minimizando a situação de extrema pobreza de famílias inteiras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Divulgada a relação de bairros com maiores índices de mosquitos da dengue em Capinópolis

Governo de Minas Gerais bancou estádio Mineirão em R$ 44 Milhões. Valor foi pago pelo Estado ao consórcio Minas Arena