A presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no encontro nacional do PT
A presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no encontro nacional do PT

A presidente Dilma Rousseff foi vaiada neste sábado (3), na abertura oficial da 80ª edição da Expozebu, principal exposição pecuária do país, que acontece em Uberaba (MG).

Este foi o primeiro compromisso oficial da presidente após o PT reafirmar sua candidatura à reeleição.

Ao ter seu nome anunciado durante uma homenagem, a presidente ouviu a vaia de parte do público, no reduto do senador Aécio Neves, pré-candidato pelo PSDB à Presidência da República.

Continua após a publicidade

Ele chegou à cidade nesta sexta-feira (2), onde cumpriu agenda na feira.

Na cerimônia, estavam presentes ainda os ministros da Agricultura, Neri Geller, e do Esporte, Aldo Rebelo. Eles também foram homenageados.

APOIO DE LULA

A petista teve a candidatura defendida pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante o encontro nacional do PT nesta sexta-feira (2).

“É preciso parar de imaginar que existe outro candidato. Quando a gente brinca com isso os adversários aproveitam, não podemos gastar energia com isso”, afirmou.

A declaração do ex-presidente ocorreu em meio ao coro de aliados e de petistas pela substituição de Dilma por Lula na corrida presidencial.

Observado por Dilma, o petista procurou abafar a movimentação à plateia de militantes. “Se um dia eu tiver que ser candidato a alguma coisa, a primeira pessoa a saber será a companheira Dilma”.

O petista disse também que essa não será uma eleição fácil e que estará à disposição da presidente para fazer campanha. “Só você preparar a agenda que Lulinha estará junto com você”.


Comments are closed.