Gastos da campanha de Aécio podem chegar a R$ 36 mi só com panfletagem / Total não inclui impressão de santinhos e adesivos
Gastos da campanha de Aécio podem chegar a R$ 36 mi só com panfletagem
/ Total não inclui impressão de santinhos e adesivos

Na manhã desta segunda-feira (28), em diversos pontos da cidade  e região metropolitana do Rio de Janeiro, dezenas de jovens iniciaram campanha distribuindo panfletos e adesivos do candidato à presidência da República Aécio Neves (PSDB). Com bonés amarelos e camisetas brancas com adesivos do candidato, eles se posicionaram pelos sinais de trânsito da cidade, tentando colar nos carros adesivos com a foto de Aécio e seu logo, em verde, amarelo e azul.

Segundo os panfleteiros, a receptividade não está sendo boa. “Está difícil, especialmente para colar os adesivos. Só conseguimos entregar em mãos”, disse um dos rapazes. Eles têm a meta de colar 60 adesivos por dia, cada um. “A dificuldade maior é realmente as pessoas deixarem colar os adesivos”, completou outro rapaz.

Três deles falaram que de uma forma geral as pessoas não querem seus carros “rotulados”. Já outros que estão distribuindo panfletos acham que a recusa reflete mesmo a falta de apoio ao candidato.

Continua após a publicidade

Eles informaram que cumprem uma jornada de seis horas durante a semana, das 7 às 13 horas, e que aos sábados o horário é das 9 às 14 horas. Ainda segundo eles, até o mês que vem haverá panfleteiros espalhados por toda a cidade.

Os distribuidores foram contratados pela empresa Entreter e ganham R$ 75 pelo dia de trabalho, mais vale-refeição de R$ 8. O contrato se estende por vinte dias consecutivos, totalizando R$ 1.660.

Segundo eles, no momento há mais de 500 pessoas fazendo o trabalho, espalhados por todo o Rio de Janeiro e Região Metropolitana, incluindo, Baixada Fluminense, Niterói, São Gonçalo e Zona Oeste. O investimento da campanha, baseado em 500 pessoas, chega a R$ 830 mil para 20 dias de trabalho. Multiplicando este total por dois, levando-se em consideração que ainda haverá dois meses de campanha, chega-se a R$ 1.660.000,00. Como esta mesma atividade será feita em 22 estados, já que se trata de uma campanha para a Presidência, chega-se a R$ 36.520.000,00, só considerando a campanha com panfletos e adesivos nas capitais.

O levantamento  foi feito apenas em 22 capitais, não considerando municípios do interior, e tendo em vista apenas o primeiro turno das eleições. Se houver segundo turno, e se o levantamento fosse estendido a todas as unidades da federação, os gastos seriam consideravelmente mais altos.

Fonte: Jornal do Brasil

 


Comments are closed.