Fogo atingiu o quarto onde as crianças dormiam / FOTO : Toninho Cury / Clube Noticia
Fogo atingiu o quarto onde as crianças dormiam / FOTO : Toninho Cury / Clube Noticia

MINAS GERAIS – Três crianças morreram carbonizadas durante um incêndio em uma residência em Presidente Olegário na última terça-feira (29) por volta das 16h20m. Os gêmeos de um ano e oito meses e um menino de quatro anos morreram estavam brincando em um quarto da casa e os pais das crianças haviam saído para conversar com vizinhos.

As chamas atingiram o quarto e vizinhos tentaram apagar as chamas. Os pais das crianças chegaram ao local e enfrentaram as chamas para tentar salvar os filhos, mas todos já estavam sem vida. A mulher teve queimaduras de terceiro grau e inalou grande quantidade de fumaça e foi encaminhada ao Hospital das Clínicas da Universidade de Uberlândia (HC-UFU).

Há suspeitas de que um curto circuito na instalação elétrica da casa tenha causado o incêndio, mas a Polícia ainda está investigando as causas do acidente e apurando o motivo dos pais terem saído e deixado as crianças sozinhas.

Continua após a publicidade

Segundo o sargento José Antônio Santos, que atendeu a ocorrência, apenas o quarto da residência foi afetado pelo incêndio. Uma televisão que estava no local ficou destruída e o teto, feito de telhas de fibrocimento, estourou. “Quando chegamos ao local encontramos os pais transtornados e ainda não foi apurado por qual motivo eles não estavam no imóvel no momento do ocorrido. A princípio as crianças estavam dormindo quando as chamas tiveram início. Todos os móveis do quarto foram destruídos”, disse.

A família morava em Porteirinha, Norte de Minas Gerais e mudaram para Presidente Olegário,  que fica no Noroeste do Estado, para trabalhar.

 


Comments are closed.