Candidato à presidência da republica Eduardo Campos morre em acidente aéreo em Santos

Candidato à presidência da republica Eduardo Campos morre em acidente aéreo em Santos
Ex-governador de Pernambuco e candidato a presidência Eduardo Campos morreu durante o acidente

O ex-governador de Pernambuco e candidato à Presidência pelo PSB, Eduardo Campos, estava na aeronave que caiu na manhã desta quarta-feira (13) em Santos-SP.

Eduardo Campos tinha 49 anos
Eduardo Campos tinha 49 anos

O candidato cumpria compromissos em Santos e cederia uma entrevista na Praia do Mercado, na região portuária da cidade. No avião estavam dez pessoas e segundo cedidas pela assessoria do partido “Rede” ao Internet Group, Marina Silva não estava no vôo.

O candidato estava em terceira posição na corrida presidencial e apresentava grandes chances de crescimento entre os que reprovam a polarização PT/PSDB. Quando foi governador de Pernambuco, Eduardo Campos registrou altos índices de aprovação.

Na noite da última terça-feira (12), Eduardo Campos cedeu entrevista ao jornal Nacional e aproveitou como pôde os 15 minutos oferecidos a ele pelo telejornal da Rede Globo que costuma ter a média diária de 36 milhões de telespectadores.

Eduardo Campos tinha 49 anos e era graduado em economia e se formou aos 20 anos pela  Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

Eduardo Campos começou na política ainda na universidade quando foi eleito presidente do Diretório Acadêmico da Faculdade de Economia. Em 1986, Campos trocou a oportunidade de fazer um mestrado nos Estados Unidos pela participação na campanha que elegeu o avô Miguel Arraes como governador de Pernambuco.5 Com a eleição de Arraes, em 1987, passou a atuar como chefe de gabinete do governador. Neste período foi o responsável pela criação da primeira Secretaria de Ciência e Tecnologia do Nordeste e da Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia de Pernambuco (FACEPE).

Eduardo Campos era casado e deixa cinco filhos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Qualidade de vida começa na atividade física e alimentação

Eduardo Campos morre no mesmo dia que o avô Miguel Arraes