Aprenda a dizer não!

artigo_79923

Ricardo Bellino

Diariamente, enfrentamos uma artilharia de pedidos, que incluem tempo, dinheiro e favores. Precisamos aprender a dizer não na maioria das vezes, ocasionalmente até a causas meritórias e a grandes oportunidades.

Quando se trata de dizer não no contexto de um negócio, aprendi uma lição valiosa com um de meu advogados: destile as informações que lhe foram apresentadas. Os advogados são profissionais em destilar informações complexas, e vale a pena cultivar essa habilidade.

À medida que você ler as condições de uma negociação ou de um contrato, traduza a linguagem ao usar a frase “em outras palavras …” e então interprete o resto.

Você vai começar a perceber as maneiras cheias de artifícios em que se pode usar uma linguagem. Se você puder expressar a linguagem em termos mais simples, terá condições de entender como o negócio vai recompensá-lo e também o que vai requerer de você. Quando você estiver com os prós e os contras bem definidos, dizer não – se necessário – será muito mais fácil.

Francamente – e esse conselho do meu amigo e parceiro de negócios Donald Trump pode lhe parecer estranho – “aceite o fato de que algumas pessoas não são legais com você. Gosto quando as pessoas não são legais porque elas são mais fáceis de controlar. É muito mais difícil ser durão com quem é legal. Se elas são más, é uma canja dizer não.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Caminhonete carregada com quase 1.500 Kg de maconha capota em Frutal

Vem aí a “3ª Corrida da Primavera” em Ituiutaba