PIMENTEL REAFIRMA COMPROMISSO COM GASODUTO DO TRIÂNGULO
PIMENTEL REAFIRMA COMPROMISSO COM GASODUTO DO TRIÂNGULO

Uberlândia (4 de setembro) – O candidato a governador pela coligação Minas Pra Você, Fernando Pimentel (PT), líder em todas as pesquisas de intenção de voto realizadas até agora, reafirmou hoje seu compromisso de construir o gasoduto ligando a região metropolitana de Belo Horizonte ao Triângulo Mineiro sem que, para isso, seja necessário privatizar a Gasmig.

Antes de deixar o cargo, o ex-governador Antonio Anastasia (PSDB) enviou proposta de emenda constitucional à Assembleia Legislativa que previa a privatização da Gasmig como forma de obter recursos para a obra. Mas, sob pressão da sociedade, o governo recuou e retirou a emenda.

Continua após a publicidade

O gasoduto é necessário para viabilizar as operações da fábrica de amônia que a Petrobras está construindo em Uberaba e que irá beneficiar todo o Triângulo Mineiro.

“Temos o compromisso de fazer o gasoduto e, mais do que isso, foi o nosso trabalho como ministro no governo federal que trouxe a fábrica de amônia pra Uberaba. Mas a fábrica, que já está sendo construída pela Petrobras, não resolve o problema. Tem que ter o gasoduto ligando lá”, disse o candidato.

Pimentel lembrou que a falta de diálogo do atual governo com a sociedade fez com que o debate ficasse paralisado.

“O governo do estado foi incapaz de oferecer uma solução para esse problema. Chegou a mandar para Assembleia um projeto de emenda constitucional que previa a privatização da Gasmig em troca de fazer o gasoduto. O projeto foi retirado, não sei porquê. O governo não quis discutir esse modelo com a sociedade de Minas”, disse.

O candidato garantiu que, se eleito, o gasoduto será construído. “Nós vamos fazer. Vamos estabelecer um modelo adequado de financiamento do gasoduto, sem que precise privatizar a Gasmig. A Cemig, que é dona da Gasmig, tem capital suficiente para fazer esse gasoduto. Pode também fazer com investimentos do BNDES, se for necessário. Mas nós vamos fazer. É compromisso nosso”, garantiu.


Comments are closed.