Juiz da comarca de Coruripe (AL) recebe representantes da região para tratar da reativação de usinas sucroalcooleiras
Juiz da comarca de Coruripe (AL) recebe representantes da região para tratar da reativação de usinas sucroalcooleiras

CAPINÓPOLIS, PONTAL DO TRIANGULO MINEIRO – A audiência agendada para a última quarta-feira (01) entre representantes da região e o juiz Mauro Bauldini, titular da comarca de Coruripe (AL) elevou o ânimo e renovou a esperança na retomada das atividades das usinas sucroalcooleiras do grupo JL instaladas na região.

O vereador Cleidimar Zanotto e o vice-prefeito de Capinópolis Jorginho Jacob representaram o legislativo e o executivo Capinopolense e a comitiva contou ainda com a presença do presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Capinópolis, Alan Cunha, do prefeito de Canápolis, do presidente do grupo sucroalcooleiro Vale do Tejuco, Carlos Eduardo e do deputado Estadual e ex-ministro dos transportes do governo Lula, Anderson Adalto.

O juiz Mauro Bauldini questionou sobre possíveis compradores ou arrendatários das usinas Vale do Paranaíba, instalada em Capinópolis, e Triálcool, instalada no município de Canápolis. O presidente do grupo sucroalcooleiro Vale do Tejuco apresentou interesse na aquisição das unidades.

Continua após a publicidade

Segundo o vereador Cleidimar Zanotto, o juiz foi bastante atencioso e demonstrou interesse elevado em dar celeridade ao processo, mesmo antecipando que se trata de algo moroso e complexo.

(esq) Alan, Jorginho, Cleidimar
(esq) Alan, Jorginho, Cleidimar

O processo de venda ou arrendamento será decidido em um assembléia de credores agendada para o dia 21 de Outubro em Coruripe (AL) e caso o arrendamento seja uma opção, o processo de restabelecimento das atividades pode ter início ainda neste ano. O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Capinópolis, Alan Cunha, estará presente na assembléia de credores, representado os colaboradores rurais do município.

O vice prefeito de Capinópolis, Jorginho, lembrou a dificuldade econômica que paira sobre os pequenos municípios do Pontal do Triângulo, situação agravada pela crise no setor sucroalcooleiro na região. Jorginho ressaltou o interesse do governo municipal de Capinópolis na retomada das atividades da usina Vale do Paranaíba e no consequente restabelecimento dos postos de trabalho para centenas de trabalhadores.

O vereador Caetano Neto, um dos grandes apoiadores do movimento que visa o restabelecimento breve das atividades das usinas, não foi à Coruripe para a audiência, mas ressaltou o compromisso firmado para buscar uma solução viável para as empresas. “Vamos aguardar a assembléia com o comitê de credores da massa falida para uma decisão definitiva, colocando um ponto final neste capitulo triste da história recente de Capinópolis”, pontuou o vereador.

O arrendamento imediato das unidades industriais pode funcionar como um paliativo econômico, mas certamente não soluciona o impasse judicial que conta com centenas de ações jurídicas de arrendatários de terras, fornecedores e principalmente de funcionários.


Comments are closed.