A importância do cartão de vacinação é tema de palestra no CRAS Alvorada
A importância do cartão de vacinação é tema de palestra no CRAS Alvorada

ITUIUTABA No dia 7 de outubro, terça-feira, a equipe do CRAS Alvorada, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social de Ituiutaba, recebeu a enfermeira da Vigilância Epidemiológica – Imunização, da Secretaria Municipal de Saúde, Cibele Ferreira, para orientar a população usuária do CRAS Alvorada sobre a importância de manter em dia o cartão de vacinação e de armazená-lo como se faz com os outros documentos oficiais, como Carteira de Identidade, CPF e Documento de Habilitação.

Segundo a Cibele, o cartão de vacinação, além de possibilitar o controle das vacinas que se precisa tomar ou reforçar, é indispensável para viajantes em trânsito internacional ou que se deslocam às áreas endêmicas. A falta da vacina e de sua comprovação pode impedir o embarque no avião e, caso o indivíduo consiga chegar ao destino desejado, corre risco de ser deportado, o que causa muito mais transtorno e prejuízo.

A enfermeira explicou ainda que o cartão de vacinação é como um documento oficial. As pessoas participam das campanhas de vacinação, recebem o documento, mas não guardam com o devido cuidado e, às vezes, até o perdem. Quando se deparam com outras ações de mobilização do Programa de Imunização vão aos postos de saúde e, muitas vezes, tomam a mesma vacina. Assim, terminam fazendo uso indiscriminado do insumo e correm o risco de ser alvo de efeitos adversos.

Continua após a publicidade

Os participantes da palestra foram orientados também que quem não possui o cartão de vacina e quer resgatar seu histórico de vacinas, pode buscar as informações no posto de saúde onde costumava se imunizar.

O cartão de vacinação é um documento indispensável durante o desenvolvimento de uma criança. Depois dos 15 anos de idade, quando termina o calendário oficial de vacinação, muitas pessoas se esquecem que devem continuar a ser imunizadas contra uma série de doenças. Por isso, os adultos também precisam manter em dia suas vacinas.

“É preciso que as pessoas entendam a importância de manter em dia o cartão de vacinação e guardá-lo adequadamente, para evitar transtornos futuros”, destaca a secretária municipal de Saúde, Sônia Correa do Carmo.


Comments are closed.