Após impasse, Globo cancela entrevistas com Aécio e Dilma no 'JN'
Após impasse, Globo cancela entrevistas com Aécio e Dilma no ‘JN’

As entrevistas com Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB) no “Jornal Nacional”, previstas para ocorrer na próxima semana, foram canceladas após impasse entre a Globo e as campanhas.

PT e PSDB reclamavam do tempo de duração da entrevista e de quanto seria, de fato, destinado para que os candidatos pudessem responder.

Segundo a Folha apurou, caso algum ponto não fosse suficientemente explicado, a avaliação é de que faltaria tempo hábil para réplicas no decorrer da semana, já que a campanha entra na reta final.

Continua após a publicidade

Assim, como a Globo não aceitou que fosse estabelecido um tempo mínimo (leia abaixo a nota da emissora), as entrevistas foram canceladas.

Ontem (14), a petista e o tucano participaram do primeiro debate do segundo turno, na TV Bandeirantes. Na quinta (16), o encontro será no estúdio do SBT, num evento que conta ainda com o UOL e a rádio Jovem Pan entre os organizadores. No domingo (19) será a vez do debate da TV Record. E na antevéspera do pleito, dia 24, o debate da TV Globo.

*

A íntegra da nota da Globo sobre o cancelamento:

“A Globo comunica que, embora os candidatos tenham concordado em ser entrevistados pelo Jornal Nacional nos dias 20 e 21 de outubro, foram feitos pedidos quanto ao tempo e formato das entrevistas: postulava-se que a duração da entrevista excluísse o tempo das perguntas. Não foi possível se chegar a um acordo porque o tempo de produção do telejornal (excluídos os anúncios comercias), com o horário eleitoral obrigatório, é, em média, de 21 minutos. Sendo assim, as entrevistas não se realizarão.”


Comments are closed.