O índice abaixo de 1% é muito bom, segundo o supervisor de Equipe, contudo ele ressalta que com a chegada do período chuvoso a atenção deve ser redobrada, pois é nesse período que os focos crescem nas residências

No combate à Dengue Secretaria de Saúde fecha mais uma Pesquisa Larvária
No combate à Dengue Secretaria de Saúde fecha mais uma Pesquisa Larvária

CAPINÓPOLIS – A Prefeitura de Capinópolis, por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde mais uma vez chama a atenção da população para o combate à Dengue, especialmente pela chegada do período chuvoso, quando aumenta o risco de proliferação do mosquito transmissor.

No combate à Dengue Secretaria de Saúde fecha mais uma Pesquisa Larvária
No combate à Dengue Secretaria de Saúde fecha mais uma Pesquisa Larvária
Continua após a publicidade

Para dar continuidade a um trabalho efetivo na cidade, a equipe de Controle de Vetores e Endemias de Capinópolis no período de 8/10 a 10/10, realizou o 5º LI (pesquisa larvária), onde foram pesquisadas 10% dos imóveis, que haviam sido encontrados focos do Aedes aegypti mosquito, transmissor da Dengue.

Segundo o supervisor da equipe, José Antonio Costa, o índice final foi de 0,51%. “Tenho que ressaltar que neste período não houve chuvas e os focos encontrados foram em bebedouro de animais, caixa d’água, piscina, lata de lixo e vaso de plantas”, comentou.

 De acordo com o levantamento, os bairros com focos de larvas foram Boa Fé, Roney de Almeida Garcia, Portal dos Ipês, Semíramis I e Wagner de Paula.

 “Voltamos a repetir, se a população não ajudar, nunca vamos vencer essa batalha, pois a maior incidência de larvas é nas próprias residências”, finalizou José Antonio.

 Vale ressaltar ainda que neste ano pela primeira vez na história, o país registrou transmissão do vírus chikungunya em território brasileiro. A febre chikungunya, conhecida como a “prima da dengue”, também é transmitida pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus.


Comments are closed.