Um jovem de 28 anos, suspeito de esquartejar um homem de 41 anos na manhã deste domingo (16), foi ouvido pelo delegado em Uberaba e será transferido para o presídio de Conceição das Alagoas, no Triângulo Mineiro, nesta segunda-feira (17). Outros três suspeitos de envolvimento no crime também foram ouvidos, mas liberados.

Após encontrar o tronco, pernas e braços carbonizados em uma estrada vicinal, a Polícia Militar (PM) recebeu informações de que o crime ocorreu em um imóvel na Praça Tiradentes, no Bairro Dona Maruca, durante a madrugada deste domingo. Militares foram ao local e a perita Ana Luiza encontrou vestígios de sangue em dois cômodos. Foi constatado ainda que o local foi limpado momentos antes. Uma faca, que tinha vestígios de sangue, foi apreendida pela polícia.

Durante rastreamento, o jovem, de 28 anos, dois homens, um de 37 e outro de 40 anos, e uma mulher, de 39, foram detidos. Segundo a PM, o jovem contou que por causa de uma dívida de R$ 20, golpeou a vítima com uma marreta na cabeça. Em seguida, ele esquartejou o corpo e jogou o crânio e as mãos do homem em um local conhecido como “Cachoeira do Nerfim”, no Rio Uberaba.

Continua após a publicidade

Uma equipe do Corpo de Bombeiros de Uberaba foi acionada e esteve no local citado pelo jovem. Por volta das 18h30, os bombeiros conseguiram localizar o crânio e uma das mãos no rio. Assim como já havia feito pela manhã, a perita recolheu material para ser encaminhado ao Instituto de Criminalística de Belo Horizonte. O jovem será transferido para Conceição das Alagoas ainda nesta segunda-feira. Os outros suspeitos foram liberados.


Comments are closed.