Só poderiam ser feitas fotos pela equipe do local, que cobra pelo serviço...
Só poderiam ser feitas fotos pela equipe do local, que cobra pelo serviço…

Uma reclamação sobre o papai Noel do shopping Palladium, em Curitiba, está gerando repercussão no Facebook. A foto divulgada mostra o ‘bom velhinho’ cobrindo o rosto de uma criança.

Segundo a postagem, o Papai Noel cobriu o rosto da menina pois só poderiam ser feitas fotos pela equipe do local, que cobra pelo serviço. Isso acabou revoltando os internautas.

“Absurdo! Papai Noel mercenário do Palladium! Uma mãe foi levar sua filha falar com o Papai Noel no Shopping Palladium. A menina toda encantada em ver o ‘bom velhinho’ e com a magia do Natal. No momento em que o pai foi bater uma foto da criança com o Papai Noel, ele puxou e tapou o rosto da criança. Absurdo! A criança sem entender nada do que estava acontecendo. O Papai Noel falou que o shopping Palladium não aceita que tirem fotos que não sejam as deles pagas. Sem ter um aviso sequer. Que horror!”, diz a postagem.

Em nota oficial enviada pela assessoria de imprensa, o shopping lamenta o ocorrido.

“Em relação ao fato ocorrido nesta quarta-feira (19), o Palladium gostaria de reforçar que possui um imenso cuidado na realização de todas as ações que envolvem os consumidores, principalmente quando lida com crianças, seus sonhos e fantasias. […] Neste caso específico, lamentamos pela atitude errada e fora dos padrões do Papai Noel, gerado a partir de um sinal irregular do fotógrafo”, afirmou o shopping, em nota.

Continua após a publicidade

Ainda de acordo com a assessoria de imprensa, uma reunião foi realizada uma reunião com o Papai Noel e com a responsável pela empresa prestadora dos serviços para a substituição da pessoa que representa o Papai Noel no shopping.

Segundo a assessoria, também foi reforçada a orientação aos fotógrafos e equipe, pois qualquer pessoa pode tirar retratos de seus filhos com celulares e tablets, com toda liberdade.

As informações são do Bem Paraná.


Comments are closed.