Ex-prefeito de 55 anos é preso sob suspeita de abusar de criança de 7 anos

Ele foi levado para o presídio da cidade e deve responder por estupro. Suspeito negou as acusações e disse que se trata de perseguição política.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Júlio César Elias / reprodução
Júlio César Elias Cardoso / reprodução

O ex-prefeito de Patrocínio, Júlio César Elias Cardoso, 55 anos, foi detido na noite de sábado (13) sob suspeita de abusar de uma menina de sete anos, amiga de sua filha. Segundo o Boletim de Ocorrências registrado pela polícia, a garota brincava na casa do suspeito, quando ele teria se aproveitado de uma oportunidade em que ela ficou sozinha para obrigá-la a colocar a boca em seu pênis. À polícia, Júlio César negou as acusações e disse que se trata de perseguição política.

Ainda de acordo com o BO, a menina chegou em casa chorando e relatou os fatos para familiares, que procuraram a polícia. Uma guarnição foi encaminhada à residência do suspeito, que foi autuado por estupro de vulnerável. O ex-político foi encaminhado para o presídio de Patrocínio neste domingo (14), onde deve permanecer até posicionamento da Justiça, já que o crime pelo qual irá responder não cabe fiança.

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

1
2
3
4
5
1
2
3
4
5
1
2
3
4
5

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida