ITUIUTABAJá está em vigor, desde o dia 1º de janeiro de 2015, a nova medida da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que busca atender à Constituição Federal, que determina que a iluminação pública seja de responsabilidade municipal. Em Ituiutaba e região não é diferente, as prefeituras já estão se adequando a mais esta responsabilidade.

Iluminação pública já está sob responsabilidade das prefeituras
Iluminação pública já está sob responsabilidade das prefeituras

Buscando uma maior economia, vários municípios consorciados na Associação dos Municípios da Microrregião do Vale do Paranaíba – AMVAP, se reuniram em um novo consórcio, o Consórcio Público Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba – CIDES, que licitou e contratou uma empresa que cuidará de forma terceirizada dos ativos de iluminação pública de 23 municípios.

Continua após a publicidade

 As cidades que integram o serviço reunidas no consórcio são: Araporã, Cachoeira Dourada, Campina Verde, Canápolis, Capinópolis, Cascalho Rico, Centralina, Douradoquara, Estrela do Sul, Grupiara, Gurinhatã, Indianópolis, Ipiaçu, Iraí de Minas, Ituiutaba, Monte Alegre de Minas, Monte Carmelo, Prata, Santa Vitória e Tupaciguara.

 A empresa Remo Construtora – Ltda, que ganhou a licitação, e cuidara dos ativos da iluminação pública, mas o processo ainda envolve a montagem e funcionamento de um Call Center, para receber as reclamações, de responsabilidade da empresa Silva e Guedes soluções em TI, que já disponibilizou o número de Serviço Atendimento da Iluminação Pública: 0800 0900 300, ao ligar o consumidor falará com um dos atendentes identificado a cidade e o local, posteriormente o problema. Mas vale ressaltar que a responsabilidade do serviço ainda é compartilhada e com a Cemig.

 Para o secretário de Obras, Luiz Manoel, a adaptação ao novo serviço poderá gerar um pequeno desconforto, mas a população, mais do que nunca, tem que auxiliar a prefeitura na fiscalização informando onde a rede necessita de reparos. “Todo período de transição pode trazer alguns pequenos entraves, contudo estamos cumprindo uma determinação do Governo Federal, e vamos fazer o possível para que o serviço não sofra com essa mudança brusca”, ressaltou Luiz Manoel.

O prefeito de Ituiutaba, Luiz Pedro Corrêa do Carmo, que é o presidente do Consórcio Público Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba – CIDES, ressaltou que os esforços em conjunto reduzem o custo para os municípios. “Trabalhamos em prol de nossa cidade, mas também pensando na nossa região, já que somos uma cidade polo e devemos pensar no desenvolvimento de toda nossa região, por isso, integramos o consórcio que, além de economia, nos dará uma melhor prestação de serviço, já que teremos uma empresa estritamente profissional cuidando de nossa iluminação. Só peço que a população tenha um pouco de paciência nesta transição, já que não estamos acatando uma decisão do governo e nos esforçando para continuar levando qualidade no atendimento”, concluiu o prefeito Luiz Pedro.


Comments are closed.