in

Capinópolis implanta Geoprocessamento

11111CAPINÓPOLIS – O crescimento de Capinópolis com a aprovação de novos loteamentos, construção de novos residenciais, e o pensamento no futuro da cidade, fez com que a atual administração buscasse formas de modernizar e planejar melhor a cidade para os próximos anos.

 Um dos aspectos inovadores que dá melhores condições para o trabalho em alguns setores, veio através das Secretarias Municipais de Planejamento e Finanças, que está implantando o Geoprocessamento, com a finalidade de atualizar os dados do cadastro Imobiliário, através de mapas, plantas e imagem de satélite.

 O Geoprocessamento é um investimento com alta taxa de retorno, do ponto de vista financeiro, em geral a implantação dos serviços de atualização da base cadastral, através do recadastramento, trará um aumento imediato no incremento das receitas para o município, além dos benefícios, o Geoprocessamento funciona como uma ferramenta de aumento da eficiência e eficácia das ações do Município.

 O geoprocessamento atua como instrumento de modernização na administração, através da distribuição da tecnologia e informação.  “Estamos trabalhando para concluirmos a implantação do Geoprocessamento para que possamos incluir já no IPTU 2015”, afirmou o responsável pelo Cadastro Imobiliário, Wilson Batista Marques.

 Outros aspectos quanto a essa implantação, visa demostrar o quanto é importante a utilização do geoprocessamento para facilitar na visualização de dados levantados sobre o município, pois o geoprocessamento é essencial para uma melhor análise de dados. Sendo assim, fundamental o domínio dessa ferramenta e sua utilização nas ações técnico-administrativas dos municípios em geral.