População causa transtornos ao descartar lixo doméstico em terrenos baldios em Capinópolis

lixo acumulado pelos moradores da região do bairro São João
lixo acumulado pelos moradores da região do bairro São João

CAPINÓPOLIS – Mudanças na legislação e na cultura da própria população em termos de descarte de lixo e entulho ajudou a mudar a cara da cidade nos últimos anos, cujas ruas e avenidas estão mais limpas, além da manutenção de canteiros centrais e praças por parte da Prefeitura.

 Em alguns setores, fatos isolados têm chamado a atenção dos moradores que já levaram a reclamação à Prefeitura Municipal, onde as pessoas estão jogando lixo em terrenos baldios, a exemplo do bairro São João, nas proximidades da Avenida Névio Franco de Moraes, da Rua São Pedro no Bairro Liberdade e Florêncio III, da saída para a Região do Barreiro no Bairro Ideal, e do próprio trevo de acesso à cidade, em terrenos próximos à Cerâmica Drummond.

 “Não é a Prefeitura que está jogando lixo ali, são os próprios moradores e para que isso pare, só depende deles, pois o prejuízo é só deles”, alerta o chefe do Setor de Urbanismo da Prefeitura, Valdemar Vaz.
“Não é a Prefeitura que está jogando lixo ali, são os próprios moradores e para que isso pare, só depende deles, pois o prejuízo é só deles”, alerta o chefe do Setor de Urbanismo da Prefeitura, Valdemar Vaz.

 “Não é a Prefeitura que está jogando lixo ali, são os próprios moradores e para que isso pare, só depende deles, pois o prejuízo é só deles”, alerta o chefe do Setor de Urbanismo da Prefeitura, Valdemar Vaz.

 De acordo com a equipe de Controle de Vetores da Secretaria Municipal de Saúde, muitos moradores reclamam do aparecimento de ratos, baratas, escorpiões e da proliferação do mosquito da Dengue, e são eles mesmo que provocam tudo isso em alguns casos. “Jogar lixo em terreno baldio, é dar condição para que em breve sua própria casa esteja cheia de insetos e roedores”, alerta o supervisor, José Antonio Costa.

 Segundo o secretário municipal de Obras, Vicente de Paula Fontoura, a cidade está bem limpa, mas esses pontos isolados trazem preocupação, e o pior, não se trata apenas de entulho, pois o que se vê são sacolinhas com lixo doméstico. “Temos uma coleta de lixo eficiente e não justifica o descarte de lixo dessa forma por parte desses moradores, os próprios vizinhos devem denunciar quando ver alguém fazendo isso”, comentou.

Policiais heróis salvam idosa de 64 anos durante incêndio em Capinópolis

Ex-vereador e filho tentam matar Promotor de Justiça de Monte Carmelo por vingança