Cartaz de "Os vingadores 2"
Cartaz de “Os vingadores 2”

O filme de super-heróis “Vingadores: Era de Ultron” obteve a segunda maior bilheteria americana de todos os tempos em seu fim de semana de estreia, mas não conseguiu ofuscar o recorde de seu antecessor, “Os Vingadores”, segundo estimativas da indústria, divulgadas neste domingo.

A última superprodução baseada nos icônicos personagens de história em quadrinhos da Marvel arrecadou impressionantes US$ 187,7 milhões em seu fim de semana de estreia, segundo estimativa da instituição de análise de bilheteria Exhibitor Relations.

Contudo, não alcançou o recorde de US$ 207,4 milhões, alcançado por “Os Vingadores” há três anos. Segundo especialistas, a agenda de eventos esportivos de sábado —que incluiu a superluta de boxe entre Floyd Mayweather e Manny Pacquiao, o Kentucky Derby e os playoffs da NBA— pode ter contribuído para a arrecadação menor.

Continua após a publicidade

Jeff Bock, um analista da Exhibitor Relations, disse que a sequência de “Os Vingadores” também não tinha o ineditismo do longa anterior, no qual idolatrados personagens como Capitão América, Incrível Hulk, Thor e Homem de Ferro estavam juntos em um filme pela primeira vez.

“Será sempre difícil superar o primeiro filme”, disse Bock à AFP. “O primeiro filme tinha a novidade de ter todos esses super-heróis juntos, algo que não havia sido visto antes. Então ‘Ultron’ não tinha essa vantagem”, explicou.

O longa mais recente conta a história da luta dos super-heróis para salvar o planeta da destruição do robô vilão Ultron, dublado por James Spader.

“Vingadores 2” atropelou com um rolo compressor todos os outros filmes no ranking de bilheteria deste final de semana, e nenhuma outra fita conseguiu ultrapassar a barreira dos 10 milhões de dólares.

O segundo lugar foi para o drama “A Incrível História de Adaline”, com Blake Lively interpretando uma mulher dos anos 1920 que misteriosamente parou de envelhecer após um acidente de carro. O filme arrecadou modestos US$ 6,3 milhões.

Em terceiro lugar ficou o “blockbuster” de carros e ação “Velozes e Furiosos 7”, com US$ 6,1 milhões.


Comments are closed.