Portão garantirá maior segurança ao Centro Espírita
(Esq) Cleidimar Zanotto (Vereador), Cícero Romão (Presidente do Centro Espírita André Luiz) e sr. Antônio Rodrigues

CAPINÓPOLIS, TRIÂNGULO MINEIRO – O Centro Espírita “André Luiz”, fundado há mais de quarenta anos pelo saudoso Odovilho Alves Garcia, recebeu recentemente uma generosa doação. Sendo uma Instituição de caráter beneficente e sem fins lucrativos, tem entre seus vários objetivos e finalidades, a proteção à família, a prática da promoção social e moral em benefício de todos e o amparo aos menos favorecidos. Para isso, precisa trabalhar principalmente com segurança em sua sede. Correspondendo a essa necessidade, o vereador Cleidimar Zanotto fez a doação de um portão todo fechado, de correr, medindo 1,95 por 1,95, que vai favorecer a segurança da Instituição. Disse, ainda, que está pronto a servir a esta Casa que promove a comunidade capinopolense.

Diante desse gesto de caridade e respeito aos trabalhos da Casa Espírita, o Presidente do Centro, Cícero Romão da Silva, agradece ao vereador pela atitude generosa e desprendida, ressaltando o quanto é importante a participação voluntária de pessoas que se dispõem a ajudar. Iniciativas como essa contribuem positivamente, voltando-se em favor da própria comunidade.

O Centro Espírita, além de suas atividades diretamente voltadas à população carente, faz um trabalho de tratamento espiritual todas as segundas-feiras à noite (19h30m); ministra reuniões públicas todas as terças-feiras, às vinte horas. Também ministra, a cada semestre, cursos aos sábados sobre a Doutrina Espírita, para jovens e adultos; para as crianças, oferece aulas de evangelização, aos sábados de manhã, que encerra com a deliciosa sopa fraterna, para a qual também recebe doações. Nas manhãs de domingo, às 9h, atende aos jovens a partir de 12 anos. É uma reunião aberta ao público jovem, com muita alegria cristã, oficina de música e práticas de Campanhas Assistenciais (arrecadação de alimentos para pessoas carentes e empréstimos de livros edificantes).

Continua após a publicidade

Independente da religião que professam, que todas as pessoas se sintam à vontade para irem à Casa Espírita, que com muito carinho está aberta a todos.