PSF Semíramis atua no Teste do Pezinho
PSF Semíramis atua no Teste do Pezinho

CAPINÓPOLIS – A ação preventiva desenvolvida pela Secretaria Municipal de Saúde, por intermédio da Atenção Primária, tem como resultado final a diminuição de doenças, que levam para o leito hospitalar crianças e adultos.

Uma ação importante pode ser vista no PSF Semíramis – Unidade Augusto Alves Garcia, que mesmo atendendo de forma improvisada na Avenida 103, por conta da reforma e ampliação do seu prédio no Bairro Paraíso, não deixou de atender as famílias assistidas, que são mais de 900, oferecendo serviço de qualidade.

“Hoje estamos aqui com algumas mães e seus bebês na reunião de puericultura, onde observamos a condição do bebê, o seu peso, a medida e como está o seu desenvolvimento, além de orientar as mães sobre os principais cuidados com o recém-nascido”, destaca a coordenadora do PSF Semíramis, enfermeira Denise de Almeida.

Continua após a publicidade

Outro chamamento da enfermeira é quanto ao Teste do Pezinho, onde as mães devem levar o bebê para realizar o teste, que é gratuito de suma importância para o futuro da criança. “Não só o teste do pezinho, mas estamos chamando a atenção das mamães quanto a importância do aleitamento materno, a atualização das vacinas necessárias, e é claro, estar sempre na Unidade de Saúde recebendo atenção preventiva, oferecendo qualidade de vida ao bebê”, acrescentou Denise.

Quanto ao teste do pezinho, é um teste simples e rápido pode fazer diferença para o resto da vida do bebê. O Teste do Pezinho serve para diagnosticar três tipos de doença: hipotireidismo congênito, fenilcetonúria e doença falciforme. O exame deve ser feito entre o terceiro e quinto dia de vida da criança para que elas possam ser identificadas e tratadas a tempo. O tratamento precisa ser iniciado antes da criança completar 30 dias de vida. “É muito bom quando recebemos o resultado como hoje, e mostramos à mãe que está tudo bem com o seu bebê e que não foi detectado nada, isso é gratificante e tranqüilizador”, completou a coordenadora do PSF.


Comments are closed.