Os 23 envolvidos no acidente são moradores da cidade de Monte Carmelo (Foto: Marcos Ribeiro)
Os 23 envolvidos no acidente são moradores da cidade de Monte Carmelo (Foto: Marcos Ribeiro)

UBERLÂNDIA, TRIÂNGULO MINEIRO – Sete trabalhadores rurais morreram no início da noite dessa sexta-feira (15) em um acidente na BR-497 que envolveu duas kombis e um bitrem, a cerca de 30km de Uberlândia, no trecho que liga à cidade de Prata. As vítimas tinham saído do trabalho em uma granja a cerca de 20 km do local do acidente. O motorista do bitrem fugiu após a batida.

De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o veículo de carga, que transportava cerca de 50t de cana, saiu da estrada vicinal e cruzou a pista da rodovia. Nesse momento duas kombis com 23 trabalhadores, de um comboio de três automóveis, bateram nos reboques. O condutor do bitrem ainda dirigiu por cerca de 700 metros, mas parte da carga tombou, o que o obrigou a abandonar o veículo. Até o momento, o homem não foi encontrado pela polícia.

Não foi possível identificar as sete pessoas que morreram no local. Muitos corpos ficaram presos nas ferragens das kombis. Outras sete pessoas ficaram feridas e pelo menos duas delas tinham ferimentos graves, segundo o Corpo de Bombeiros. Quatro das que precisaram de atendimento médico estavam internadas no Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) e três em Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do bairro Planalto.

Continua após a publicidade

Os trabalhadores faziam a pega de frangos na granja e viajariam aproximadamente 150 km para voltar para Monte Carmelo, que é onde estão as famílias dos 23 envolvidos no acidente. O motorista do bitrem trabalha para uma empresa da cidade de Passos (MG). Houve o desvio do trânsito da rodovia para estradas vicinais, o que causou congestionamento.

Com informações de Correio de Uberlândia


Comments are closed.