in , ,

Moradores do “acampamento do DER” aguardam liberação de escrituras do Município de Capinópolis

Moradores do “Acampamento do DER” aguardam a liberação de escrituras dos imóveis onde residem, por parte do Município de Capinópolis.

A área pertencia ao Estado de Minas Gerais e foi doada, em 2014, ao Município após início de uma mobilização em 2010 por parte do vereador Caetano Neto da Luz (PPS/MG). O projeto teve o apoio do vice-prefeito de Capinópolis, Jorginho Jacob (PSDB/MG) e também do então deputado Estadual Zé Maia, que enviou o Projeto de Lei à Assembléia Legislativa do Estado, onde originou a lei promulgada em 27 de Junho de 2014 pelo governador de Minas Gerais Sr. Alberto Pinto Coelho.

Desde 2014, o trecho faz parte do perímetro urbano do município e a decisão foi amplamente comemorada pelos moradores da localidade.

O presidente da Câmara Municipal de Capinópolis, Paulo Amaral, deve agendar uma reunião com a prefeita Dinair Isaac para tratar das escrituras dos imóveis – “A Câmara tem desenvolvido um relacionamento harmônico com o Poder Executivo e temos a plena certeza de que a prefeita está sensibilizada com relação a este assunto”, disse Amaral.

A prefeita Dinair Isaac afirmou estar empanhada em atender aos anseios dos moradores – “O departamento jurídico do Município está efetuado a análise da situação das escrituras e teremos um posicionamento dos profissionais em breve”, disse a prefeita.

A extensão territorial doada é de seiscentos metros (600) entre o km 23,6 e a ponte do “Córrego do Capim”, que fica próximo ao trevo de acesso à Canápolis-Mg e Cachoeira Dourada-Mg.

Segundo o vice-prefeito Jorginho, um projeto deve ser enviado à Câmara após a análise do departamento jurídico do Município – “É uma grande conquista do Município por intermédio do ex-deputado Zé Maia  e dentro em breve, deveremos escriturar os imóveis dos moradores daquele local”, disse Jorginho.

Caetano Neto relembrou a luta pelos direitos dos moradores – “Buscamos uma solução para o caso desde 2010 e por meio de grandes esforços conjuntos, os moradores foram agraciados com a notícia da doação da área pelo Estado de Minas – Agora temos que garantir a segurança destes moradores com relação às suas propriedades por meio da escritura dos imóveis”, disse o vereador.

Alguns moradores residem no local há mais de 30 anos – As moradias foram construídas por funcionários do Departamento de Estradas e Rodagens de Minas Gerais (DER/MG) durante a pavimentação da MGT-154.