PM identifica quadrilha suspeita de roubo de gado na região do Pontal

CAPINÓPOLIS, TRIÂNGULO MINEIRO – Integrantes suspeitos de formação de quadrilha foram identificados pela Polícia Militar (PM) na tarde da última sexta-feira (31) de Julho por suspeita de roubo de gado na região rural do Pontal do Triângulo Mineiro.

Segundo informações da ocorrência registrada pela PM, uma vítima e uma testemunha afirmaram que na última quinta-feira (30), um homem teria oferecido para levar toda família que reside na fazenda até a cidade de Ituiutaba, cobrando a quantia de R$ 50 – Apenas o caseiro teria ficado na fazenda, que fica no Município de Ituiutaba.

Segundo o depoimento do caseiro, dois homens chegaram à fazenda e o fizeram de refém, trancando-o dentro de um banheiro, momento em que dois caminhões chegaram à propriedade rural para carregar animais bovinos – O gado teria “estourado” (expressão utilizada no meio rural para afirmar que o gado fugiu sem rumo definido) – A quadrilha ainda conseguiu apreender seis cabeças de gado com idade aproximada de dois anos.

Um aparelho de som e um televisor de 24 polegadas também foram furtados da casa do caseiro.

A PM foi acionada e deu início ao rastreamento, abordando um suspeito menor de idade de 17 anos que afirmou ter sido contratado para carregar o gado – A PM se deslocou até a casa do menor e encontrou um dos suspeitos de ter participado do roubo, que ao perceber a presença dos militares, fugiu em um Gol Prata.

Ainda segundo depoimentos contidos na ocorrência, os animais foram transportados em um caminhão branco e acompanhados por uma caminhonete D40 ano 86 de cor vermelha – Três suspeitos estavam nos veículos.

Uma caminhonete D40 e celulares foram apreendidos pela PM – A caminhonete tem as mesmas características de um veículo denunciado em uma outra ocorrência pelo mesmo tipo de crime. O aparelho de som foi encontrado em posse de homem de 21 anos, suspeito de receptação.

Os nomes dos suspeitos ainda estão sob sigilo, já que as investigações continuam. Um suspeito, que reside em Capinópolis, está sendo investigado por suspeita de participação.

DENÚNCIA

Em 2014, o TUDO EM DIA denunciou a prática crescente de roubo de gado na região rural de Pontal, em especial em Capinópolis, salientando o perigo de compara carne clandestina, já que alguns animais recebem aplicações de vermífugo, como o Ivermectina 4% e não podem ser abatidos em um prazo médio de 140 dias devido ao alto risco para a saúde humana. Muitas pessoas podem estar consumindo a carne bovina infectada pela medicação que tem alto poder tóxico.

Alguns açougues e até supermercados em Capinópolis estão comercializando carne sem nota fiscal, dando indícios de que a carne pode não ter boa procedência, levando risco à saúde de famílias inteiras.

Empresa Neocon iniciou coleta de lixo doméstico em Capinópolis no último sábado

São Luiz é pentacampeão no futebol amador de Ituiutaba