Fabrício matou desafeto com 12 facadas no peito e no pescoço.
Fabrício matou desafeto com 12 facadas no peito e no pescoço.itu

Policiais civis da 2ª DDP de Itumbiara prenderam ontem Fabrício Marcos Eugênio de Oliveira, autor de um homicídio ocorrido na madrugada de 26 de setembro, no Setor Afonso Pena, naquela cidade. Na ocasião, Fabrício desentendeu-se com Tiago Douglas de Souza Ferreira, de 29 anos, e acabou por esfaqueá-lo com doze golpes no peito e no pescoço. No momento do crime, a vítima estava dentro do carro, acompanhado por amigos. O Delegado Vinícius de Castro Penna, responsável pela investigação, conta que Fabrício aproximou-se da janela do motorista e desferiu os golpes.

Após o crime, Fabrício fugiu e a Polícia Civil representou por sua prisão preventiva, que foi deferida pelo Poder Judiciário. Ao ser preso ontem, ele confessou o homicídio, alegando legítima defesa: “A versão do Fabrício é de que ele achou que o Tiago estava armado”, comentou Vinícius Penna. O Delegado acredita que o delito possa ter motivação passional, pois a ex-mulher do autor estava andando ultimamente na companhia da vítima: “Após identificar a autoria do assassinato nós queremos agora entender as circunstâncias do fato, mas aparentemente há um ingrediente passional nisso tudo”, destacou.

Após as formalidades legais o investigado foi encaminhado ao Presidio Regional de Sarandi.


Comments are closed.