Canápolis – Como considerar “fatos ou boatos” no ambiente de trabalho

PSF1-27Out2015 (5)

CANÁPOLIS, TRIÂNGULO MINEIRO – É fato ou boato? Eis a questão que intriga e no ambiente de trabalho se convive com isso durante todo o dia, e muitas vezes provoca estragos na relação interpessoal em qualquer empresa, seja pública ou privada.

Esse foi o tema da 8ª Oficina do Programa Unidade Promotora de Saúde, coordenado pela Secretaria Municipal de Saúde.

Aconteceu neste dia 27, a 8ª Oficina, dando continuidade ao Programa Unidade Promotora de saúde, onde o tema abordado foi “É Fato ou Boato?”, sendo o público alvo, os servidores e usuários da saúde pública.

A Oficina aconteceu no PSF 1 – Unidade Joaquim Rodrigues da Costa, tendo a palestra ministrada pela psicóloga Regilene Franco Medeiros.

A Unidade Promotora de Saúde é uma proposta que visa à implantação/implementação de ações multiprofissionais que têm como objetivo estimular o autocuidado dos profissionais e promover hábitos saudáveis. Consiste no desenvolvimento de oficinas com os profissionais da Atenção Primária à Saúde, trabalhando os temas alimentação saudável, atividade física, álcool e drogas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 celebridades mortas mais lucrativas do mundo em 2015

Lanche de juízes e desembargadores fica R$ 1 mi mais caro em Minas