cis-pontal

ITUIUTABA Sob a presidência do prefeito de Ituiutaba, Luiz Pedro Corrêa do Carmo, aconteceu na tarde desta terça-feira, 26, na Sala de Reuniões da Prefeitura de Ituiutaba, a 90ª Reunião do CIS-Pontal – Consórcio Intermunicipal de Saúde do Pontal.

Um levantamento dos gastos com a área da saúde em 2015 e o planejamento para 2016 trouxe muita preocupação para os secretários municipais de Saúde, que assistem ao crescimento da demanda e, ao mesmo tempo, ao aumento nos valores pagos e à diminuição dos repasses de recursos por parte da União e Estado.

Continua após a publicidade

De acordo com levantamento apresentado pela secretaria do Consórcio, os custos para manutenção no atendimento a demandas referente a 40 exames, deve ser elevado de R$1.939.945,00 para R$2.115.705,00. “Esse custo é mantido pelas Prefeituras Municipais e, com isso, já estamos mostrando aos prefeitos a necessidade de aumento nos repasses para o Consórcio em 2016”, disse Luiz Pedro.

As cobranças em torno de um melhor atendimento por parte do Hospital São José, também foi um assunto trazido à reunião pelos representantes dos municípios da região, associados, que mantêm convênio para alguns procedimentos no Hospital.

Para os secretários de Saúde, há um amplo trabalho desenvolvido pelas Prefeituras para melhorar o atendimento ao cidadão, principalmente diminuindo a morosidade e o tempo gasto para a marcação de consultas e exames, que muitas vezes se transformam num verdadeiro teste de paciência a espera de abertura de vagas perante ao SUS.

Além da aprovação da lista de exames e consultas a serem contratadas pelo Consórcio, a reunião serviu ainda para serem apresentados os resultados das licitações para este ano, um estudo de viabilidade financeira para apoio ao Hospital São José. A eleição do presidente do Conselho Curador foi o último item da pauta de reuniões.

Fazem parte do CIS-Pontal os municípios de Ituiutaba, Cachoeira Dourada, Canápolis, Capinópolis, Gurinhatã, Ipiaçu e Santa Vitória.

 

 


Comments are closed.