Conselho apura caso de professora que pendurou aluna pela janela no sul de Minas

Mulher que passava perto da escola fotografou a criança do lado de fora da janela (foto: Reprodução Youtube)
Mulher que passava perto da escola fotografou a criança do lado de fora da janela (foto: Reprodução Youtube)

Na próxima segunda-feira, as autoridades de Boa Esperança, no Sul de Minas, devem voltar a se debruçar sobre o caso de uma professora que foi flagrada pendurando uma aluna de 4 anos para fora da janela de uma sala no segundo andar da Escola Municipal Rabim Gambogi nesta semana.

Segundo familiares, o caso teria ocorrido depois que a menina jogou um objeto para fora da sala e a professora teria a colocado do lado de fora como castigo. Uma mulher que passava pela rua viu o ocorrido e tirou uma foto. O Conselho Tutelar acompanha o caso mas, por conta do feriado, só deve retomar as apurações na segunda.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estudante de 18 anos morre após inalar gás de buzina em São Paulo

América muda postura, derrota Uberlândia no Independência e retorna ao G4 do Estadual