26042016-caso-leonardo

ITUIUTABA, TRIÂNGULO MINEIRO – A Polícia Civil de Minas Gerais em Ituiutaba cumpriu três mandados de prisão temporária de Adriano Silvestre da Silva, conhecido como “Adrianinho”, Matheus Henrique Pierazo Graciano, vulgo “Toddynho” e Lucas Humerto Cunha Santos, e ainda cumpriu mandado de internação provisória contra o adolescente P. H. C. B., nesta terça-feira (26). Eles são suspeitos de envolvimento no homicídio que vitimou Leonardo Henrique Silva, de 20 anos de idade, no dia 4 de abril.

No dia do crime, a vítima se encontrava na porta da casa de sua namorada, no bairro Canaã, quando uma motocicleta ocupada por dois indivíduos se aproximou, tendo o garupa descido e efetuado diversos disparos de arma de fogo, tipo revólver calibre .38, “à queima a roupa”, contra Leonardo, tendo acertado diversas partes do corpo tais como o peito, o coração e a cabeça, vindo a vítima a falecer no local.

Continua após a publicidade

De acordo com as investigações realizadas, o adolescente P. H. C. B. foi o executor do crime. Adriano é suspeito de ter fornecido as munições para Lucas Humberto e o adolescente praticarem o crime. Já o revólver calibre .38, foi fornecido pelo investigado Matheus Henrique, porém mesmo após as incessantes buscas nas residências dos envolvidos, a arma de fogo usada no crime não foi localizada.

As investigações ainda continuam no sentido de apurar o verdadeiro motivo que levou os suspeitos a cometerem o homicídio.

Os presos foram encaminhados ao Presídio de Ituiutaba e estão à disposição da Justiça.

O CASO

Reprodução / Facebook

Leonardo Henrique Silva foi alvejado por cerca de sete disparos de arma de fogo no dia (04) de abril de 2016 no bairro Canaã e acabou morrendo.


Comments are closed.