Ministro Romeno Jucá - Divulgação
Ministro Romeno Jucá – Divulgação

Ministro do Planejamento, Romero Jucá, disse em entrevista coletiva, nesta sexta-feira, que o governo Michel Temer tem como meta reduzir quatro mil cargos comissionados para reduzir gastos.Segundo ele, o governo tem cargos de confiança e da gratificações de 51 formas diferentes, o que será revisto”, disse Jucá.

De acordo com o novo ministro do Planejamento, os cortes dos 4 mil postos devem acontecer até 31 de dezembro.Jucá disse que esse corte é uma”meta física”que pode ser ampliada se houver necessidade. “Vamos rever a estrutura organizacional dos ministérios. Alguns já foram encerrados ou recepcionados  por outros ministérios”.

Jucá disse que mesmo o corte não vai resolver a questão do gasto público e meta de déficit. “Mas é um posicionamento que o governo deve tomar como exemplo para a sociedade”, afirmou.

Continua após a publicidade

O ministro do Planejamento afirmou ainda que a economia que o governo pretende fazer com a redução dos  cargos será anunciada “no momento certo”, em razão das diferentes remunerações.

Já o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, disse que se o governo não cortar despesas vão faltar recursos para pagar salário dos servidores federais.


Comments are closed.