02062016EducaCAPI-30Mai16 (1)

CAPINÓPOLIS – Aconteceu na última segunda-feira, 30, a analista Educacional de ensino, Ises Maria Gomes Cintra e a diretora Educacional Sandra Virginia Amaral Curi, ambas da SER – Superintendência Regional de Ensino de Ituiutaba reuniram com a secretária Municipal de Educação de Capinópolis, Iracilda Pereira Duarte, diretoras das Escolas Estaduais e Municipais de Ensino de Capinópolis e com a Comissão do Cadastramento Escolar 2016/2017.

Continua após a publicidade

De acordo SRE, o Cadastramento Escolar permite ao Governo do Estado e às prefeituras dimensionarem a demanda escolar, encaminhando com tranquilidade as crianças e adolescentes que vão entrar na rede pública de ensino, seja qual for o ano do ensino fundamental, para uma escola mais próxima de sua residência.

Neste sentido, a Prefeitura Municipal de Capinópolis juntamente com o Governo de Minas Gerais, estão promovendo nos dias 13 a 17 de junho o Cadastramento Escolar/2017 para juntos dimensionarem a demanda escolar.

Para garantir a vaga de seu filho na escola pública para o ano que vem, os pais devem ficar atentos ao prazo de cadastramento, que começa segunda-feira. O processo é simples, fácil e não custa nada. É só procurar as referidas escolas para fazerem o cadastramento: EM Presidente Tancredo de Almeida Neves, EM Higino Guerra, EM Aurelisa Alcântara de Souza, EM Branca de Neve, EE Governador Juscelino e EE Sérgio de Freitas Pacheco levando os seguintes documentos:

  • Certidão de Nascimento da criança (original);
  • Comprovante de luz recente (original);
  • Comprovante de escolaridade (para alunos vindos de escolas particulares ou que desejam

 retornar aos estudos).

Podem se cadastrar:

  • Crianças que já completaram 6 anos de idade ou que vão completar até 30 de junho de 2017;
  • Alunos que estão se transferindo de outras localidades ou vindos de escolas particulares;
  • Aqueles que desejam retornar aos estudos em qualquer ano do Ensino Fundamental (do 1° ao 9° ano).

O cadastro interessa aos pais, à sociedade e ao sistema de educação. É uma questão de organização e logística, nos permite planejar a demanda futura. Quanto mais eficiente o cadastramento, quanto mais as famílias se mobilizarem, melhor teremos condições de organizar as escolas para receber os estudantes e encaminhá-los para as unidades próximas de suas residências. Façamos uma ênfase também para os jovens que deixaram de estudar e querem retornar à escola, esse é um público especial que desejamos recuperar.

Portanto, a Superintendência Regional de Ensino, busca proporcionar melhores condições de organização e funcionamento das unidades escolares quanto ao número médio de alunos por classe, de forma a assegurar também um funcionamento mais adequado e a efetiva melhoria da oferta de qualidade de ensino.


Comments are closed.