Carro usado na fuga pelos criminosos capotou e pegou fogo em seguida (foto: Divulgação)
Carro usado na fuga pelos criminosos capotou e pegou fogo em seguida (foto: Divulgação)

A fuga de criminosos depois de estourar um caixa eletrônico em São Gonçalo do Rio Abaixo, na Região Central de Minas Gerais, na madrugada deste sábado, terminou mal. Um grupo foi perseguido por policiais militares na BR-381. Quando se aproximavam de Nova União, na Grande BH, houve troca de tiros e o carro dos bandidos capotou e pegou fogo. Um homem morreu carbonizado. Buscas são realizadas em uma mata para encontrar outros comparsas.

Segundo a Polícia Militar (PM), os criminosos estouraram o caixa eletrônico em uma agência da Caixa Econômica Federal no Bairro Santana por volta das 4h. Em seguida, fugiram em um Palio e outro veículo. A PM conseguiu localizar os automóveis na BR-381 e começou a perseguição.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), próximo ao km 410, houve troca de tiros e um dos policiais acabou atingido na mão. O militar Fabrício Ferreira de Oliveira foi levado para o Hospital João XXIII, onde recebeu atendimento e foi liberado. Os criminosos tentaram entrar em uma estrada que dá acesso à Nova União, mas o carro capotou várias vezes. Em seguida, pegou fogo. Um ocupante não conseguiu sair e morreu carbonizado.

Continua após a publicidade

O helicóptero da PM, equipes das Rondas Ostensivas com Cães (ROCCA) e militares estão em uma matagal próximo ao acidente procurando por outros integrantes da quadrilha.


Comments are closed.