Unidade dos bombeiros socorreu a vítima, que foi atacada por vizinho que estava irritado com barulho de discussão de casal
Unidade dos bombeiros socorreu a vítima, que foi atacada por vizinho que estava irritado com barulho de discussão de casal

Acusado de tentativa de homicídio registrada na madrugada do último dia 2 se apresentou à autoridade policial na manhã de ontem. Após se envolver em atrito com filho de vizinha, vítima acabou atingida com dois tiros. Suspeito do crime se reservou a responder em juízo e foi liberado.

Na ocasião do crime, registrado por volta de 1h30, policiais militares compareceram a uma residência da rua Doutor Zeferino, onde M.S.C., 18 anos, disse que ela e seu companheiro, F.P.O., 21, discutiam o relacionamento, momento em que uma vizinha pediu para que o casal baixasse o tom de voz, alegando que acordaria cedo para trabalhar. Após breve calmaria, o casal retomou a discussão, momento em que o rapaz teria gritado: “Estou na minha casa, faço o que quero e quero ver quem vai me fazer parar!”.

Ainda conforme o registro policial, instantes depois o filho da vizinha chegou ao local querendo saber o que havia ocorrido, ocasião em que R.M.L., 26, entrou em atrito verbal com F.P.O. Os ânimos se exaltaram, momento em que F.P. partiu em direção a R.M., que sacou um revólver e atirou várias vezes contra ele.

Continua após a publicidade

Ferido, F.P. correu no sentido rua Padre Zeferino, onde foi socorrido pelas equipes do Samu e resgate dos bombeiros, sendo encaminhado ao Hospital de Clínicas da UFTM com duas perfurações, uma no tórax e outra no ombro esquerdo. Após os disparos, o autor R.M. fugiu em uma motocicleta Honda Twister, de cor vermelha.


Comments are closed.