A Polícia Civil investiga morte por enforcamento de pai e filho suspeitos de matar um jovem de 17 anos na madrugada do último domingo, na cidade de Liberdade, no Sul de Minas. Os dois tinham prisão temporária decretada.

Segundo a polícia, William Naback Silva, de 19 anos, e seu pai, José Alcides, de 70, dono de uma lanchonete, tiveram uma discussão com L.V.J, de 17, após uma carreata política, na madrugada de domingo. Durante a briga, L.V.J foi esfaqueado e acabou morrendo no hospital, no dia seguinte.

Marcelo Bangoim, delegado responsável pelo caso, ouviu testemunhas e pediu a prisão temporária de pai e filho pela morte do jovem. Os dois, porém, foram encontrados mortos por enforcamento nessa terça-feira, no município de Bom Jardim de Minas. Investigadores apuram se houve homicídio ou suicídio. De acordo com a Polícia Civil, foram encontradas cartas de despedida para familiares.

Continua após a publicidade

O delegado aguarda laudo da necropsia de William e José Alcides. A assessoria da Polícia Civil informou que as investigações estão em fase final e a promessa é de que o inquérito seja concluído em breve.

RB


Comments are closed.