Atualizado em 08/10/2016 – 13h10m para inclusão de informações

ITUIUTABA, TRIÂNGULO MINEIRO – Um homem invadiu uma igreja e desferiu vários golpes de faca em uma jovem no início da noite desta sexta-feira (07) em Ituiutaba.

Continua após a publicidade

O crime ocorreu dentro da Igreja Matriz de São José, no Centro de Ituiutaba – Uma missa estava sendo realizada no momento do ocorrido.

A vítima, identificada como Simone Marca, 30 anos, foi socorrida pela equipe dos bombeiros de Ituiutaba e encaminhada ao Hospital São José – A morte foi confirmada pelo sargento do Corpo de Bombeiros.

Segundo relatos de pessoas que estavam na missa, foram momentos de muito terror – Um dos seis golpes de faca atingiu o pescoço da vítima – Simone estava ajoelhada no momento do crime.

Muito sangue ficou derramado no piso da catedral.

O crime pode ter motivação passional – O jornalista Marcos Ferreira é o principal suspeito do crime – Ele chegou a ser preso recentemente, após agredir Simone.

Segundo a Polícia Civil, Simone Marca acompanhava uma missa de sétimo dia de falecimento na companhia do namorado, momento em que o ex-amante chegou ao local e desferiu os golpes.

Segundo relatos, Marcos Ferreira sempre apresentou um comportamento agressivo.

O jornalista teria confessado o crime em um áudio – “Não tenho forças, eu fiz isso por que eu gostava dela, eu amava ela … ela fez isso tudo comigo, tava com outro lá, me prendeu,
fez este tipo de coisa… Vocês, não fiquem com raiva de mim… eu não dou conta, acabou minha vida…”, disse o suspeito.

Pessoas que conheciam Simone, afirmaram que a jovem era alegre e cheia de vida.

O homem suspeito de cometer o crime mantinha uma página no facebook com notícias da região.

“Nós da Polícia Civil já o conhecíamos devido ao contato que temos com a imprensa. Após esfaquear a mulher, Marcos fugiu em um carro que estava estacionado em frente à igreja. Durante a fuga ele me enviou um áudio pelo celular confessando o crime e disse que só ia se entregar após passar o tempo do flagrante. A equipe segue em busca dele, mas até o momento não foi localizado”, disse a delegada Roberta Borges Silva Ferreira, que cuida do caso.

“A vítima foi amante dele por muito tempo, mas não queria mais a relação, pois ele era agressivo e não a dava sossego. A esposa dele também estava ciente da situação. O homem já foi preso duas vezes por violência doméstica e tinha saído da prisão esta semana. Ela também tinha uma medida protetiva contra ele”, esclareceu a delegada.

A Polícia Civil disse que cerca de 80 pessoas testemunharam o crime na igreja e que ao presenciar o assassinato o atual namorado da vítima fugiu.

——————- Prisão —————

08102016-marcosA Polícia confirmou a prisão do suspeito Marcos Ferreira na tarde deste sábado (8) em Rio Verde (GO). O suspeito está sendo escoltado rumo à Ituiutaba e deve ser apresentado à imprensa às 19h.

Jornalista suspeito de matar mulher dentro de igreja é preso em Rio Verde

Simone Marca, fez postagem em rede social e estava com medo de “acontecer o pior”


Comments are closed.