Vereador Vico Queiroz / Foto: Correio de Uberlândia
Vereador Vico Queiroz / Foto: Correio de Uberlândia

UBERLÂNDIA, TRIÂNGULO MINEIRO – Uma comissão de sindicância da Câmara de Uberlândia apura fraudes no registro de ponto do vereador Vico Queiroz (PTC). De acordo com a relatora da comissão, Gláucia da Saúde (PMN), as investigações apontam que o político bateu o ponto sem estar presente do Legislativo.

Os trabalhos da comissão continuam a fim de descobrir quem praticou a irregularidade.

Vico Queiroz disse, que espera que as investigações apontem o erro – “Eu pedi apuração imediata. É importante que essa comissão que é séria e eu confio possa apurar quem cometeu isso, quem utilizou minha senha. Isso foi feito no apagar das luzes”, afirmou.

Continua após a publicidade

O ponto em investigação foi registrado através de senha às 8h39 no último dia 14 de setembro em uma sala reservada do Legislativo. De acordo com o presidente da Câmara, Alexandre Nogueira (PSD), após o fato, não será mais permitido o registro de ponto por senha.

“Podemos optar por senha ou biometria. Após o ocorrido não vamos mais permitir o registro por senha uma vez que alguém pode ter visto a senha do vereador, ou câmeras podem ter filmado e ter usado isso para prejudicar”, finalizou.


Comments are closed.